Quando você pensa em Ads, qual palavra vem à cabeça? Provavelmente Adwords, não é mesmo? Isso é natural, já que o Google AdWords é a plataforma de anúncios mais famosa e utilizada da web. Porém, outras alternativas estão surgindo.

Recentemente, a B2W Digital – empresa responsável por sites como Submarino, Americanas, e Digital Finance lançou sua própria plataforma para o gerenciamento de anúncios dentro dos sites da companhia: o B2W Ads.

Atualmente em fase beta, a plataforma permite aos sellers adquirir espaços de publicidade para dar mais visibilidade a seus produtos. Todos os espaços disponibilizados fazem parte da gama de sites administrados pela companhia.

A plataforma

Num primeiro olhar, a plataforma apresenta um layout bastante limpo na tela que exibe todas as campanhas (ou a visualização geral), trazendo os dados mais úteis no que toca à performance.

No entanto, não é possível editar o layout de exibição das colunas apresentadas na imagem acima. A personalização do período visualizado é bastante parecida com a do AdWords, porém não é possível fazer comparações temporais entre esses períodos.

Layout e usabilidade do B2W Ads

Gráfico da página inicial

Apesar de clean e bastante intuitivo, a personalização fica um pouco limitada. Não é possível exibir duas dimensões simultâneas no gráfico, limitando a exibição à lista de colunas apresentada na página inicial.

Criação de Campanhas

Para criar campanhas na plataforma, encontramos todas as informações básicas que se espera de uma plataforma do gênero:

  • Nome;
  • Data inicial e final;
  • Orçamento, com um mínimo de R$10,00;
  • CPC (Custo por Clique), com um mínimo de R$0,05.

Criação de anúncios

Na aba de criação de anúncios, é possível escolher quais produtos cadastrados serão exibidos. Após o cadastro dos itens desejados, existe a opção de filtrar por um determinado nome e selecionar – através de um checkbox – quais desses itens irão rodar no grupo de anúncios.

A imagem abaixo mostra mostra esse processo:

Visualização de dados a nível de grupos

Neste ponto, a plataforma tem um design bastante agradável, mais próxima a de um Dashboard. Isso possibilita uma visualização dos dados e das métricas de maneira bastante simples e intuitiva.

A opção de gráfico, mais uma vez, acaba apresentando as mesmas limitações abordadas no tópico Gráfico da página inicial.

Visualização de dados a nível de anúncios

O layout é o mesmo, o que é positivo, pois facilita a leitura dos dados. A única diferença aqui é o nível hierárquico, que no nível de anúncio é menor.

Cadastro de clientes

O cadastro de clientes e seus produtos é feito por intermédio do SkyHub, também uma plataforma da B2W Digital. O cliente insere seus produtos via ERP e essas informações são recebidas pelo SkyHub através das APIs que farão a integração.

Esse caminho pode variar de empresa para empresa e de plataforma para plataforma. Há casos, por exemplo, em que o feed é manipulado pelo Magento e somente depois é integrado pelo SkyHub, que irá disponibilizar a base de produtos no B2W Ads.

Visão do administrador

Nesta tela, é possível acompanhar o processamento dos produtos que estarão disponíveis para serem inseridos em anúncios.

Uma tela com os dados gerais em nível Admin, que oferece um panorama de todas as suas ações na plataforma.

Onde o anúncios são exibidos?

Como já dissemos antes, os anúncios correrão dentro da rede de sites da B2W Digital. Devido a pouca amostragem utilizada neste teste, não foi possível identificar com precisão quais são os anúncios do B2W Ads dentro dos anúncios exibidos nos sites, tampouco os espaços em que aparecem no layout de exibição.

Performance

Alguns pontos merecem destaque nesta plataforma. Uma análise simples revela que o ROI (Return of Investment) apresentado pela plataforma é bastante bom. Porém, é importante destacar que o investimento para o teste foi baixo.

A amostragem do AdWords utilizada para comparação teve um investimento maior, o que pode desequilibrar um pouco a análise dos resultados. No entanto, essa comparação é importante como um parâmetro básico para medir o desempenho da nova plataforma.

No teste realizado no B2W Ads, o ROI no período foi cerca de 26% maior que o apresentado no AdWords. A amostragem do AdWords utilizada como comparação, no entanto, teve investimento 96% maior.

O que impressionou foi a quantidade de impressões. Um valor muito alto, que acabou diluindo o CTR (Taxa de Cliques) e o colocando na casa dos 0,20% (próximo a alguns displays em AdWords).

Custo por impressões

Para facilitar a visualização dos resultados, vamos considerar também o custo por impressões apresentado pela plataforma. Baseado nos testes que realizamos, podemos considerar os seguintes valores:

Impressões: 3.083.946

Custo: ~R$1.610,00

Custo por impressões: R$0,52/ 1 mil impressões

Apesar de apresentar bons resultados nesse quesito, é difícil prever a escalabilidade de investimentos o os impactos que eles terão nas métricas (sejam o ROI, a receita ou o volume de cliques), pois o investimento utilizado no teste foi baixo.

Ainda assim, acreditamos que essa amostragem revela insights interessantes sobre a plataforma e seu modelo de atuação, dados importantes para quem busca alternativas para seus anúncios.

Conclusão

A plataforma é interessante para quem busca alternativas ao AdWords – não para substituí-lo, mas para diversificar o investimento. Os destaques ficam com o bom apelo visual, utilização intuitiva e uma performance interessante.

Alguns pontos que devem ser considerados ao utilizar a plataforma:

  • Plataforma Intuitiva: simples de entender e de usar, não apresenta dificuldades para quem já está habituado ao AdWords;
  • Necessidade de SkyHub para pronização do portfólio de produtos: apesar de ser uma integração interessante com os softwares ERP das empresas, esse pode ser um ponto negativo para quem pensa em tentar a plataforma;
  • Alto volume de impressões, com baixíssimo CTR: o alto volume de impressões favorece a visibilidade do portfólio dos produtos, porém se o CTR for usado para cálculo de CPC, assim como no AdWords, pode haver uma inflação do CPC médio devido ao baixo índice de qualidade;
  • Performance de ROI: talvez o ponto de maior destaque da plataforma. No entanto, testes de maiores proporções são bem-vindos para verificar a escalabilidade e rentabilidade dos investimentos.

É inegável que a iniciativa da B2W é interessante para quem busca diversificar a atuação com Ads. Resta saber se ela se consolidará no futuro como uma ferramenta confiável e rentável para os sellers que buscam o melhor desempenho sempre.

Gostou dessa dica? e receba mais artigos como esse!