Passada a Black Friday, é hora de planejar as estratégias para o Natal 2021. Entra ano, sai ano, a verdade é que as compras de Natal continuam sendo as mais importantes para o comércio no Brasil. Nesse período, as pessoas querem presentear seus familiares e amigos e correm até as lojas — físicas ou virtuais — para fazer compras.

Em 2020, quando a pandemia ainda afetava fortemente o bolso dos brasileiros, as vendas recuaram, mas ainda assim foram numerosas. Já para o Natal 2021, com a flexibilização do comércio e retomada das atividades, as expectativas são de muitas vendas.

Mas será mesmo? É isso que vamos analisar neste artigo. Você vai descobrir quais são as projeções para o Natal 2021, especialmente no e-commerce brasileiro e ainda como preparar o marketing digital da sua empresa para a data.

Curtiu? Então acompanhe!

Natal 2021: quais as expectativas?

As compras de Natal sempre movimentam o varejo, com milhares de pessoas indo às lojas para comprar presentes!

Porém, o Natal 2021 tem um detalhe a mais: embora a pandemia não tenha acabado, as pessoas estão retomando suas atividades, inclusive, as compras que deixaram de fazer nos últimos tempos.

O G1 mostra que, em 2020, as vendas de Natal recuaram 1,8% em relação ao mesmo período de 2019. Trata-se do reflexo de um ano marcado pela pandemia, pela retração da economia e pela contenção de gastos dos consumidores.

Muitas famílias sequer planejaram as comemorações de fim de ano, porque o cenário ainda era grave.

No Natal 2021, o contexto é diferente. A vacinação já cobriu a maior parte da população brasileira, o que ajudou a arrefecer os números da pandemia.

Com isso, as pessoas voltaram a se reunir, viajar, presentear e comemorar datas importantes, e o Natal segue a tendência.

O comércio já percebe a retomada de vendas e receitas, em um movimento chamado de “consumo pós-pandemia”. No e-commerce**, a expectativa é que o segundo semestre de 2021 seja o maior de todos os tempos, com indicativos de recorde de vendas**, segundo a Exame.

A pesquisa sobre Intenção de Compras para o Natal de 2021, realizada pela CNDL, comprova essas expectativas. De acordo com o relatório, a data deve levar quase 124 milhões de pessoas às compras e movimentar R$ 68,4 bilhões na economia. Em 2020, a expectativa da CDNL era de R$ 38 bilhões.

A pesquisa mostra ainda que 77% dos consumidores pretendem presentear alguém no Natal 2021 — mesmo percentual de 2019 —  indicando um retorno ao patamar pré-pandemia.

Entre as principais categorias de produtos listados na intenção de compra dos brasileiros no Natal 2021, se destacam:

  • Roupas (61%, principalmente mulheres das classes A/B);
  • Brinquedos (37%);
  • Perfumes/cosméticos (36%);
  • Calçados (36%, com destaque entre as classes A/B);
  • Acessórios (24%).

Online vs Offline

Embora as vendas de Natal tenham registrado uma queda em 2020**, o varejo online cresceu 15,5% em relação a 2019**, segundo o G1. Esse percentual reflete uma mudança de hábito que já se consolidou na vida de muitos brasileiros: as compras de Natal pela internet.

A tendência de crescimento do e-commerce já vinha aparecendo nos últimos anos. Mas a pandemia de coronavírus aumentou o número de compras e de lojas virtuais, impulsionadas pela necessidade de distanciamento social como medida de segurança.

Essa mudança, porém, não foi temporária: quem comprou pelo e-commerce pela primeira vez, agora tende a continuar comprando online por conta da praticidade e da facilidade em ter acesso a diversas opções de produtos em uma única tela.

Assim, o varejo online tende a mostrar novamente a sua força no mês de dezembro, pois mais e mais pessoas estão experimentando esse modelo de compras, vencendo o medo de adquirir pela internet.

Outro atrativo para o shopping online é que as pessoas ainda não estão totalmente seguras para enfrentar aglomerações- bastante comuns nas lojas no fim de ano. Então, muitos consumidores devem optar pelo e-commerce para evitar qualquer risco.

E por onde serão feitas as compras no Natal 2021?

De acordo com a pesquisa da CNDL, a internet deve ser o principal local de compra para 45% dos consumidores. Em seguida, aparecem as lojas de departamento (43%) e o shopping center (40%). Em média, 67% dos presentes vão ser comprados pela internet.

Além disso, 79% dos compradores pretendem fazer pesquisa de preços antes de comprar os presentes. Entre eles, 83% vão utilizar a internet para isso, especialmente os sites e aplicativos das lojas e as redes sociais.

Por isso, é importante preparar a sua loja virtual para receber os consumidores. E, se você ainda não vende pela internet, está na hora colocar seus produtos à venda no e-commerce para atrair todos esses clientes.

No meio de tantas opções para as compras de Natal em 2021, é necessário criar um diferencial para a sua empresa!

Ações de marketing que não podem faltar no Natal 2021

Como você já deve ter percebido, o Natal 2021 vai ser uma grande oportunidade para recuperar as possíveis perdas da pandemia e fechar bem o ano do seu negócio.

É hora de atrair o público, fidelizar os consumidores e vender muito!

Para isso, você precisa contar com as estratégias e ferramentas de marketing, especialmente na internet. Elas divulgam suas ofertas, criam demanda para os seus produtos e nutrem o relacionamento com os clientes, estimulando a compra mesmo depois da data.

A seguir, você vai ver algumas ações de marketing fundamentais para você vender mais no Natal 2021. Confira as dicas:

Invista em email marketing

E-mail marketing é uma das ferramentas mais eficientes para o e-commerce. O envio de emails permite divulgar ofertas e estreitar o relacionamento com as pessoas, já que é um canal de comunicação direto, privado e o melhor: com a permissão do cliente.

O email marketing exige algumas estratégias para funcionar bem. Uma delas é a segmentação dos envios — você deve segmentar os destinatários com características e interesses em comum.

Mais interessante ainda é personalizar os envios, entregando ofertas relevantes para cada pessoa, com mais chances de vendas.

Crie páginas específicas para ofertas e descontos

Em datas sazonais, como Natal, Dia das Mães e Black Friday, você precisa dar destaque às suas ofertas e descontos. Afinal, não é uma data e nem uma promoção qualquer, certo?

Por isso, para a sua propaganda de Natal 2021, é interessante criar uma página específica para todas as ofertas desta data. Nela, você pode concentrar os principais produtos, explicar alguma ação especial (como distribuição de brindes ou sorteios) e aquecer as vendas até o fim do período.

Essa ação tem dois benefícios em um:

  1. Facilita aos clientes encontrarem aquilo que desejam e descubram boas ofertas em uma única página;
  2. E contribui para o posicionamento desta página no Google, pois ela concentra as visitas e fortalece sua autoridade no buscador.

Invista em mídias pagas

Mídias pagas potencializam as compras de Natal, mirando no público certo. Isso não significa abandonar as ações com mídias orgânicas, como posts em blogs e redes sociais- o ideal é trabalhar nas duas frentes.

Porém, no momento de intensificar a divulgação, a propaganda de Natal e as suas vendas, é importante contar com anúncios pagos.

Campanhas de anúncios permitem segmentar o público-alvo, assim você atinge exatamente quem tem mais chances de comprar. Além disso, você pode utilizar diferentes formatos e recursos para destacar suas ofertas.

Um exemplo são os links patrocinados, aqueles que aparecem antes dos resultados orgânicos na busca do Google. Você também pode optar por anúncios de mídia display, pois eles têm um visual mais atrativo e podem aparecer em diversas páginas da web.

Promova ações em redes sociais

Ative as redes sociais para movimentar as vendas no Natal 2021! Mas lembre-se de fazer isso com antecedência para aquecer os consumidores e aproveitar as vendas de quem gosta de antecipar as compras de Natal.

Geralmente, as estratégias de Natal começam depois da Black Friday. Agora já é o momento de usar as redes sociais para divulgar as ofertas, despertar o desejo de compra e levar os compradores até a sua loja.

No Facebook e no Instagram, você pode marcar os produtos nas publicações e direcioná-los para o e-commerce, por exemplo.

Aproveite também para interagir com as pessoas, com enquetes, perguntas e outros tipos de interações relacionadas ao Natal e ao final de ano. Dessa maneira, você ativa a lembrança da sua marca, numa época tão cheia de estímulos de consumo.

Aposte em BOPIS

BOPIS é a sigla para Buy Online, Pick Up In-Store ou “compre online, retire na loja”. O cliente compra na loja virtual e pode optar por retirar em uma loja física (do próprio vendedor ou de um parceiro), geralmente em um prazo mais curto e sem precisar pagar pelo frete.

Esse é um modelo de entrega de produtos no e-commerce que traz mais comodidade ao comprador, pois ele recebe o produto com mais agilidade e sem custo de entrega. Já para a empresa a estratégia é ótima porque reduz custos de logística.

Garanta um atendimento rápido e dedicado

O atendimento no e-commerce é determinante para as vendas e a fidelização dos clientes. O consumidor quer agilidade, quer ser ouvido e quer respostas precisas.

Por isso, o atendimento precisa ser bem preparado em todas as etapas da jornada de compra.

Em uma época com tanto volume de vendas como promete ser o Natal 2021, as falhas se tornam mais propícias, como um atraso na entrega, envio errado ou um engano de endereço.

Então, prepare especialmente o atendimento pós-venda, que, se for eficiente, pode fidelizar até mesmo os clientes que tiveram problemas na compra!

A criação de listas de compras é uma ótima ferramenta para divulgar seus principais produtos.

Crie alternativas para listas de desejos de Natal

Listas de desejos de Natal ajudam a inspirar os consumidores. São tantas compras e pessoas para presentear no fim de ano que não é raro faltar ideias de presentes.

Uma solução bacana é criar listas de sugestões de produtos — para publicar em um blog ou enviar por e-mail, por exemplo —, aproveitando para criar sua propaganda de Natal ideal.

Crie também ofertas para aqueles produtos com maior margem de lucro ou com mais tempo parados no estoque. Seja estratégico na divulgação!

Foque na experiência do cliente

Ao planejar qualquer ação para o Natal 2021, mantenha sempre o foco na experiência do cliente. As pessoas precisam se sentir bem atendidas, informadas, valorizadas.

O problema é que, nessa época, muitas empresas pensam apenas nas vendas e deixam de lado o relacionamento.

Uma boa experiência nutre o relacionamento com os clientes. Se eles conseguem encontrar facilmente o que querem, receber o produto corretamente e aproveitar sua compra, são grandes as chances de voltarem a comprar — e ainda promoverem a loja mesmo depois das compras.

Portanto, planeje as estratégias de marketing para o Natal 2021, mas pense muito além desse período promocional.

Se você quer conquistar e fidelizar consumidores, crie uma experiência memorável para os clientes em todos os canais, desde os primeiros momentos de contato com a sua empresa.

Perceba como esse tipo de estratégia pode alavancar seus resultados para começar o próximo ano com o pé direito.

Então, se você quer aproveitar o melhor do Natal 2021, conte com um parceiro especializado em marketing digital para desenvolver blogs, sites, aplicar técnicas de SEO e produzir os melhores conteúdos para esse período.

Entre em contato com a Raccoon e saiba como podemos te ajudar!

Escrito por:

Gabriel Macedo Ribeiro

Especialista de Conteúdo na Raccoon, tetracampeã do prêmio de Melhor Agência de Marketing de Performance do Brasil pela ABComm (2015, 2016, 2017 e 2018) e melhor da América Latina no Google Premier Partner Awards.

Comentários