Existem diversos desafios quando falamos em gerenciar pessoas dentro de uma empresa, uma vez que lidamos com colaboradores de diversas opiniões e visões, além de cargos diferentes. 

Não se pode mais olhar para sua equipe apenas como peças de um grande quebra cabeça, mas é preciso ter uma visão humanizada e entender que seus colaboradores são pessoas que auxiliam no crescimento do seu negócio

Neste conteúdo, além de explicar um pouco mais esse processo, iremos dar algumas dicas de como gerenciar pessoas em tempos de crise e à distância. Selecionamos também algumas ferramentas que possam te auxiliar no processo de gerenciamento de pessoas. 

O que caracteriza o processo de gerenciar pessoas?

Vale ressaltar que gerenciar pessoas é o conjunto de habilidades e técnicas que visam auxiliar as pessoas em uma empresa a realizarem seu trabalho da melhor forma possível, para que todos possam atingir os objetivos em comum. Mas por que isso é importante?

São diversos fatores que auxiliam no progresso de uma empresa, e atualmente sabe-se que para isso é importante manter uma equipe de colaboradores motivada, satisfeita e feliz, por isso, o bom gerenciamento de pessoas é indispensável para o sucesso do seu negócio. 

Nos próximos tópicos, você vai saber como melhorar o gerenciamento de pessoas da sua empresa, confira nosso conteúdo e veja as principais dicas!.

Clareza no posicionamento: como gerenciar pessoas?

Gerenciar pessoas é sinônimo de clareza e objetividade

Para se ter um bom gerenciamento de pessoas é preciso sempre manter sua equipe motivada e engajada com os projetos e a comunicação precisa ser eficiente e direta, assim, estabeleça metas alcançáveis e incentive a liderança sendo um exemplo.

Incentivar a liderança sendo um exemplo é um dos principais pilares para gerir pessoas em uma empresa, pois neste ponto o tratamento igualitário e a liderança horizontal é o foco, ou seja, é importante fazer com seus colaboradores não se sintam apenas colaboradores, mas sim peças importantes para o funcionamento e progresso da empresa. 

Para isso, veja nossas dicas:

Líder participativo e comunicação interna.

É importante ser um líder participativo que informa sua equipe de uma forma estratégica. Reter as informações cria um ambiente desconfiado e bloqueia a evolução do negócio. Por isso, sempre mantenha seus colaboradores informados dos processos por trás de algum projeto que está por vir. 

É importante destacar que, para que se tenha uma boa comunicação interna, as informações e feedbacks não devem partir exclusivamente do gestor, mas também dos colaboradores, pois isso contribui para gerar mais confiança na equipe, então também incentive seus colaboradores a te passarem feedbacks

Feedback

Depois da execução dos projetos, é importante que os colaboradores saibam se o fizeram da forma correta,ou seja, é importante dar um feedback a eles de modo que entendam suas atitudes e se sintam motivados a continuar realizando os trabalhos.

Se o feedback for negativo, é preciso ponderar as palavras a serem usadas para evitar constrangimento por parte dos colaboradores e, com isso, desmotivação. Por isso, prepare um roteiro, com ele fica mais fácil visualizar todas as informações que deverão ser dadas e também organizar a melhor ordem dos feedbacks.

No momento da conversa, busque ser claro, transparente e sincero, não deixe que seu colaborador compreenda o feedback da forma errada. Sempre que pontuar os erros cometidos, explique outras maneiras possíveis de fazer e porque a abordagem dele não foi a melhor para o caso específico.

Não se esqueça de pontuar os pontos positivos do colaborador, para que ele perceba que você o vê dentro da empresa e reconhece o quão importante ele é para o negócio.  

Entender como gerenciar pessoas é entender que estamos falando sobre pessoas, não apenas em números ou mão de obra. São as pessoas que criam relacionamentos em sua empresa e fazem a “rodar”.

Como gerenciar pessoas em tempos de crise?

Para além do dia a dia em uma empresa, gerenciar pessoas está se mostrando muito necessário e difícil em um cenário de crise. Questões como saúde mental dos trabalhadores precisam estar em foco, o que implica no gestor da empresa precisar manter sua equipe focada e motivada nos projetos, o que nem sempre é uma tarefa fácil.

E, por mais estranho que soe, a frase do famoso naturalista britânico Charles Darwin, “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que se adapta às mudanças”, faz sentido para nós, uma vez que a todo momento estamos repensando o modo que realizamos tarefas antes tão consolidadas. Por isso, o papel do gestor de pessoas é orientar seus colaboradores a um caminho, ajudando-os a se adaptarem ao momento presente.

A gestão humanizada, então, é um dos pilares do gerenciamento de pessoas em tempos crise: construir uma relação que mantenha os colaboradores motivados e estudar a flexibilização da jornada de trabalho é importante para que as vidas pessoais e profissionais se adequem.

Ser analítico e criativo também são pontos importantes para tempos de crise, pois é preciso saber gerenciar possíveis conflitos que irão surgir, além de saber a forma como reagir quando algum problema atingir seu negócio. Apesar disso, saber manter o pé chão é fundamental.

Como gerir pessoas à distância?

Fique atento, pois gerenciar pessoas à distância poderá ser um novo modelo da rotina da sua empresa

Em tempos de trabalho remoto, separamos algumas dicas que podem te auxiliar nesse novo jeito de ser um líder e também algumas ferramentas que podem facilitar o processo.

Defina metas diárias e claras

Quando se fala sobre gerenciamento de pessoas à distância, é importante ter em foco que todos da equipe devem conseguir saber qual é o trabalho a ser desenvolvido naquele dia ou semana. Por isso, defina metas diárias para sua equipe cumprir de forma que, ao final daquela semana, o projeto esteja completo. 

Além disso, é importante que essas metas sejam claras para sua equipe. Por exemplo, se eles precisam criar determinadas métricas, deixe isso claro: segunda-feira é preciso definir as métricas da primeira parte do projeto x.

Dessa forma, sua equipe conseguirá se organizar para que esta meta seja atingida da melhor forma e dentro do prazo estipulado.

Esteja presente

Gerenciar pessoas à distância não é apenas delegar tarefas e aparecer para sua equipe no final do projeto, pelo contrário, a ideia é que você, como gestor, esteja sempre presente para que sua equipe possa entrar em contato, criar reuniões e falar sobre o andamento de cada setor. 

Esta dica já se relaciona com a próxima, já que para estar presente, é importante não só manter um canal aberto de conversa, mas marcar encontros periódicos com todos de sua equipe.

Tenha encontros periódicos 

Depois de definir as metas diárias, não se esqueça de marcar encontros com sua equipe, mesmo que de forma online. O objetivo é que você converse com seus colaboradores, tire as dúvidas sobre a evolução de um projeto, entre outros assuntos que possam surgir.

Dessa forma, é possível criar uma relação com todos seus colaboradores, além da integração de todos os participantes que é criada nesses encontros. 

Crie conversas fora do tema de trabalho

Para que o gerenciamento de pessoas à distância tenha ainda mais eficiência, uma boa dica é criar um canal de comunicação que vise abordar temas fora dos temas de trabalho, isso é importante para que se crie uma relação ainda mais próxima com seus colaboradores e gerar maior integração entre eles, além de ajudar a manter a saúde mental do gestor e dos liderados. 

Por isso, marque essas reuniões fora do horário de trabalho com os mais diversos temas, desde saúde mental em tempos de crise até comentar sobre séries em alta.

Como entrar em contato? 

Já que falamos sobre encontros periódicos, deixamos aqui algumas ferramentas podem te auxiliar, uma vez que encontros presenciais estão sendo deixados de lado devido ao cenário atual.

Vejas nossas dicas!

Slack

Criado em 2014, o Slack é uma ferramenta que busca conectar os membros de uma equipe de forma online e em tempo real, é possível compartilhar imagens e documentos importantes. Um de seus pontos positivos é a possibilidade de criar diversos canais de comunicação e utilizar cada um para uma das áreas do projeto, possibilitando que se tenha diferentes assuntos em discussão, mas sem que um atrapalhe o outro.

O aplicativo está disponível para desktops gratuitamente, mas também tem uma versão via navegadores web.

Google Drive

Este é um serviço virtual que foi lançado pelo Google em Abril de 2012. Ele permite o armazenamento de arquivos na nuvem do Google, tendo um espaço de até 5 GB. 

Todos os arquivos colocados no Google Drive podem ser compartilhados com todos os colaboradores através da conta G-mail. Nesta função, é possível decidir o nível da permissão de cada pessoa, ou seja, você decide quem pode editar, comentar ou apenas visualizar o documento.

Trello

Lançado em setembro de 2011, o Trello é uma ferramenta de gestão de projetos em formato de lista que pode ser usado por uma pessoa ou compartilhado com toda sua equipe. Ele pode ser acessado pelos navegadores da sua preferência.

Após o login, é possível ver os boards, que são quadros com diversas listas e informações, que podem ser compartilhados com todos da sua equipe através de um cadastro.

Dentro de cada lista existem os cartões, nos quais você insere tópicos específicos.Ainda é possível deixar comentários, links e anexos dentro de cada cartão. Determinar prazos e mover os cartões são outras funcionalidades do Trello que auxiliam a gerenciar a equipe.

Para determinar a função de cada membro da equipe basta marcá-lo em um card, dessa forma todos ficam cientes de sua função dentro do projeto.

Entender como coordenar uma equipe em tempos crise pode parecer um grande desafio, mas mantendo a calma e a clareza com todos, sua empresa pode atingir um bom rendimento nos projetos, além de garantir maior saúde mental aos seus colaboradores.

Quer mais dicas como essa? Acesse nosso blog!